Arquivos da Categoria: Cursos

A difícil tarefa da inclusão

Os que acompanham a página do ‘Estava Pensando’ no Facebook viram que na sexta-feira eu estive na rádio CBN Recife, em um debate sobre a inclusão social e escolar de pessoas com deficiência juntamente com as Terapeutas Ocupacionais Thaisa Ângelo e Nara Sandes da empresa Inclusão Eficiente. Ao final do programa, me comprometi a colocar um conteúdo exclusivo no site para auxiliar pais e professores nesta inclusão. O debate foi ao vivo e, se disponibilizarem o áudio, coloco aqui no site.

AntMateres de chegar ao material propriamente dito, gostaria de falar um pouco sobre o assunto. A lei 13.146/15, conhecida como a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência, ou ainda, Estatuto da Pessoa com Deficiência, entrou em vigor no ano de 2016. Porém, desde a sua sanção, em 2015, muitas escolas e professores ficaram de cabelo em pé, por não saber como agir diante da inevitável demanda que os aguardaria este ano. Dentre muitos outros dispositivos, de acordo com esta lei, fica vedada à escola negar ou ainda cobrar taxa adicional aos alunos com deficiência. No entanto, na prática não é o que vemos acontecer. Na clínica ainda chegam relatos dos pais informando que a escola de repente ficou sem vaga ao saber que se tratava de uma criança com deficiência.

Além disso, a inclusão ainda não é realizada de forma adequada. Muitas instituições ainda praticam uma inclusão “café com leite”, que apenas incluem a criança fisicamente na sala de aula sem, de fato, incluí-la nas atividades e no cotidiano escolar e social. Incluir significa fazer parte, sendo assim, a inclusão social/escolar de crianças/pessoas com deficiência é garantir com que elas sejam participantes da vida social, familiar, política e econômica. Para isso, é preciso que, antes de tudo, a instituição, os professores e a sociedade concebam a pessoa com deficiência como, de fato, pessoa. Uma pessoa que têm uma condição específica que é a deficiência, mas antes de tudo, uma pessoa.

Curso em Caruaru do grupo Inclusão Eficiente – contato.pe@inclusaoeficiente.com.br

Para todos que trabalham com este tipo de público, um grande desafio a ser trabalhado é a família. Às vezes a família não aceita a condição de seu filho e está no que se chama “fase do luto”. A falta de apoio psicológico especializado dificulta este processo que tem como consequência, uma relação inadequada ou até mesmo insuficiente da família com a criança. Atualmente, com o aumento dos casos de microcefalia, são muitas as crianças abandonadas por seus pais e até mesmo suas mães. A família também precisa de cuidados, mas muitas vezes ela é cobrada a ter uma série de posturas e atitudes que ainda não têm condições porque lhes falta um olhar que perceba o quanto ela é importante e o quanto ela também precisa ser cuidada. Este cuidado psicológico pode se iniciar desde a gestação e ocorre, em geral, após a notícia do diagnóstico. Muitos hospitais/maternidades (inclusive públicos) contam com psicólogos para auxiliar as gestantes que se encontram internadas e também pacientes dos mais variados setores.

Um comportamento muito comum encontrado nas famílias que ainda se encontram desajustadas, é uma ausência de corresponsabilização: elas jogam toda a responsabilidade do tratamento e evolução das crianças nos profissionais da equipe multidisciplinar, nas escolas, e pouco seguem as orientações que são dadas para uma continuidade do tratamento em casa. No entanto, quando a família consegue perceber sua corresponsabilidade no tratamento e cuidado da criança, é nítido o quanto o trabalho tem um desenvolvimento muito melhor.

Curso em Recife do grupo Inclusão Eficiente – contato.pe@inclusaoeficiente.com.br

Por outro lado, há também uma grande culpabilização do professor, fazendo com que ele seja taxado de não aceitar, não fazer, não acolher, entre outros. Porém, sabemos que, além de muitas vezes o professor não estar preparado para este tipo de demanda, questões como uma alta carga horária causada por baixos salários e pouco investimento dos gestores na formação desdes profissionais são frequentes. Então as instituições de educação precisam se preparar e também preparar os profissionais da casa. Além disso, os alunos com e sem deficiência também precisam de diálogo sobre este encontro pois, assim, diminui-se a probabilidade de casos de bullying e possibilita o desenvolvimento de competências e habilidade como a generosidade, paciência, altruísmo, respeito às diferenças, entre muitos outros.

Tendo tudo isso em vista, percebo que as barreiras atitudinais são, portanto, as mais prejudiciais a uma inclusão social e escolar de qualidade. Como falei anteriormente, precisamos colocar na linha de frente a compreensão de que a pessoa com deficiência é, antes de tudo, uma pessoa. E que ela têm condições de aprender que são diferentes e que nós precisamos descobrir com ela que condições são estas, que estratégias são facilitadoras e quais são dificultadoras deste processo. Para a Psicologia, a ideia de inclusão está intimamente vinculada à ideia de uma vida com sentido. Portanto, não basta estar dentro de um lugar, é preciso participar, pertencer e perceber um sentido e realizar este sentido. Não existe uma cartilha que diga como devemos agir em situações e circunstâncias X, Y ou Z. Essa preparação é muito mais no sentido de uma abertura à experiência com o outro. Este é o ponto chave. Vamos nos permitir? :)

Bom, então vamos ao material que prometi na rádio e também no início desta postagem! É um e-book com um Plano Educacional Individualizado que é útil não apenas para identificar os pontos fracos, fortes e o que ajuda os alunos com deficiência, mas ainda pode ser adaptado para aplicar em sua casa ou sua empresa, por exemplo. Preencha o formulário abaixo e ele será enviado diretamente para o seu email!




Espero que tenham gostado!

Nathálya Calina


ATENÇÃO: O conteúdo deste site é de caráter informativo. Se você precisar de ajuda especializada, não hesite: entre em contato com um(a) profissional da sua cidade. Sempre que for utilizar algum texto de minha autoria, o faça em formato de citação, com os devidos créditos e link para a postagem original.

Dois Cursos Gratuitos de Primeiros Socorros Psicológicos – Coursera

Fonte das imagens desta postagem: Coursera

Pra quem ainda não conhece, o Coursera.org é uma plataforma educacional on line e gratuita cuja missão é oferecer acesso universal a cursos oferecidos pelas melhores Universidades do mundo. Você precisa apenas de acesso à internet pra começar a aprender uma variedade incrível de temáticas. A grande maioria dos cursos é em inglês. Alguns têm legenda em português, mas ainda assim, ter conhecimento na língua inglesa é fundamental para um aproveitamento completo do que o Coursera pode oferecer.

Por coincidência, recebi recentemente um email do Coursera informando os cursos já traduzidos para o Português. Quem não tiver familiaridade com o inglês pode dar uma olhada.

Existem cursos que acontecem apenas em determinados períodos e então você precisa seguir as aulas semanais à risca e não perder os prazos das avaliações pra conseguir sua nota. Outros estão disponíveis para que você faça no seu tempo e no seu próprio ritmo. Ao terminar o curso e atingir a pontuação mínima necessária (cada curso tem a sua), você recebe um Certificado de Conclusão. Alguns ainda oferecem Certificado de Conclusão com Distinção para aqueles que atingirem notas acima da média (novamente, cada curso tem a sua). Alguns cursos ainda oferecem a opção de um Certificado Verificado em que você paga uma taxa de $40,00, passa por um processo de verificação da sua identidade a cada exercício realizado e, ao final, recebe um certificado que garante que foi você mesmo quem realizou todas as avaliações necessárias e concluiu o curso.

Começará também agora dia 18 de maio mais dois cursos da área de Psicologia promovido pelo Coursera. O curso anterior do qual eu tinha falado é o de Psicologia Clínica de Crianças e Jovens (clique no título para ser levado à postagem). Serão dois cursos na área de Primeiros Socorros Psicológicos: um promovido pela Universitat Autònoma de Barcelona (Espanha) e o outro pela Johns Hopkings University (E.U.A.). Nenhum dos dois cursos exige que o aluno tenha conhecimentos prévios no assunto, mas, apesar de compartilharem a mesma temática, os dois cursos são BEM DIFERENTES. Vamos dar uma olhada?

Comecemos pelo curso da Universitat Autònoma de Barcelona (Espanha), intitulado Primeros Auxilios Psicológicos (PAP):

  • Duração: 5 semanas (18 de maio a 11 de julho)
  • Tempo semanal de dedicação: 4-6 horas
  • Idioma: Espanhol (alguns materiais de leitura estarão em inglês)
  • Objetivos gerais do curso: introduzir a aplicação de primeiros socorros psicológicos a pessoas afetadas por situações altamente estressantes, que podem gerar um imenso mal estar e produzir sequelas que afetem negativamente sua saúde; diferenciam-se as emergências cotidianas das emergências comunitárias e/ou em massa, abarcando as duas situações e se baseia nos protocolos propostos pela Organização Mundial de Saúde (OMS), adaptando-os aos diferentes cenários previstos; de conteúdo prático, se concentra na população em geral, mas também inclui protocolos específicos para crianças, adolescentes, idosos e pessoas portadoras de algum distúrbio mental.
  • Programação semanal:
    • Semana 1 – Definição e condições de aplicação
    • Semana 2 – PAP em crianças até 12 anos
    • Semana 3 – PAP em adolescentes e adultos
    • Semana 4 – PAP em grupos especialmente vulneráveis
    • Semana 5 – O autocuidado do interveniente

Agora o curso da Johns Hopkings University (E.U.A.) intitulado Psychological First Aid:

  • Duração: 6 semanas (18 de maio a 27 de junho)
  • Tempo semanal de dedicação: 1-3 horas
  • Idioma: Inglês
  • Objetivos gerais do curso: aprender a oferecer primeiros socorros psicológicos a pessoas em situação de emergência através do modelo RAPID: Reflective listening (Escuta Reflexiva), Assessment of needs (Avaliação das Necessidades), Prioritization (Priorização), Intervention (Intervenção), e Disposition (Disposição).
  • Programação:
    • Módulo 1 – Introdução
    • Módulo 2 – Rapport e Escuta Reflexiva
    • Módulo 3 – Avaliação das Necessidades
    • Módulo 4 – Priorização
    • Módulo 5 – Intervenção
    • Módulo 6 – Disposição
    • Módulo 7 – Autocuidado e Revisão

Bem diferentes, apesar da mesma temática, não é? Eu vou tentar fazer os dois, mas não sei ainda se vou conseguir. Esta área de atuação da Psicologia (Psicologia das Emergências e dos Desastres) é bastante nova no Brasil e no mundo. Pra se ter ideia, ainda são poucas as instituições que oferecem especialização nesta área. É uma temática que não é vista em muitas Faculdades de Psicologia, mas eu tive a sorte de poder tê-la em minha matriz curricular durante a graduação em Psicologia na Faculdade Pernambucana de Saúde. Estou curiosa para aprender mais sobre a prática dentro deste contexto! Espero conseguir dar conta de tantos cursos e conteúdos!

Se você gostou da plataforma Coursera, mas anda com o tempo apertado, que tal experimentar algum destes cursos abertos (sem limitação de tempo) que eu também estou tentando fazer?

E você? Já fez algum curso online? E um MOOC (Massive Open Online Course)? Foi no Coursera ou em outra plataforma? Conte a sua experiência!

Veja esta postagem do Catraca Livre sobre Cursos Gratuitos. Lá tem várias dicas de cursos de todos os tipos e áreas de aprendizagem.


ATENÇÃO: O conteúdo deste site é de caráter informativo. Se você precisar de ajuda especializada, não hesite: entre em contato com um(a) profissional da sua cidade. Sempre que for utilizar algum texto de minha autoria, o faça em formato de citação, com os devidos créditos e link para a postagem original.

Curso Gratuito de Psicologia Clínica de Crianças e Jovens – Coursera

Fonte das imagens desta postagem: Coursera

Pra quem ainda não conhece, o Coursera.org é uma plataforma educacional on line e gratuita cuja missão é oferecer acesso universal a cursos oferecidos pelas melhores Universidades do mundo. Você precisa apenas de acesso à internet pra começar a aprender uma variedade incrível de temáticas. A grande maioria dos cursos é em inglês. Alguns têm legenda em português, mas ainda assim, ter conhecimento na língua inglesa é fundamental para um aproveitamento completo do que o Coursera pode oferecer.

Existem cursos que acontecem apenas em determinados períodos e então você precisa seguir as aulas semanais à risca e não perder os prazos das avaliações pra conseguir sua nota. Outros estão disponíveis para que você faça no seu tempo e no seu próprio ritmo. Ao terminar o curso e atingir a pontuação mínima necessária (cada curso tem a sua), você recebe um Certificado de Conclusão. Alguns ainda oferecem Certificado de Conclusão com Distinção para aqueles que atingirem notas acima da média (novamente, cada curso tem a sua). Alguns cursos ainda oferecem a opção de um Certificado Verificado em que você paga uma taxa de $40,00, passa por um processo de verificação da sua identidade a cada exercício realizado e, ao final, recebe um certificado que garante que foi você mesmo quem realizou todas as avaliações necessárias e concluiu o curso.

Começará agora dia 18 de maio o curso de Psicologia Clínica de Crianças e Jovens, oferecido pela The University of Edimburgh localizada no Reino Unido. O curso não exige que o aluno tenha conhecimentos prévios no assunto e requer uma dedicação de uma a três horas de estudos semanais durante seis semanas, de 18 de maio a 6 de julho. Os vídeos e materiais são todos em inglês e com legendas apenas em inglês. Por coincidência, recebi recentemente um email do Coursera informando os cursos já traduzidos para o Português. Quem não tiver familiaridade com o inglês pode dar uma olhada.

O curso está dividido em seis módulos equivalentes às seis semanas de duração:

  • Semana 1 – O que é desenvolvimento?
  • Semana 2 – Teoria do Apego
  • Semana 3 – Risco e Resiliência
  • Semana 4 – A Psicologia do Adolescente
  • Semana 5 – Psicopatologia do desenvolvimento aplicada – Parte 1
  • Semana 6 – Psicopatologia do desenvolvimento aplicada – Parte 2

Segundo seus criadores, ao final do curso estaremos aptos a compreender os processos de desenvolvimento essenciais e como eles se relacionam com saúde mental infantil, adolescente e seu bem-estar; entender as principais dificuldades em saúde mental que afetam crianças e os jovens; desenvolver uma reflexão crítica sobre a natureza e a percepção da desenvolvimento típico e atípico; compreender e examinar criticamente o contexto cultural e social para o desenvolvimento saudável e psicopatológico da criança e adolescente.

Confesso que estou bem ansiosa por este curso! É uma temática bastante vista durante a graduação em Psicologia, mas acredito que é sempre bom poder revê-la ou até mesmo vê-la de outra forma.

Se você gostou da plataforma Coursera, mas anda com o tempo apertado, que tal experimentar algum destes cursos abertos (sem limitação de tempo) que eu também estou tentando fazer?

Em breve farei postagens também sobre alguns cursos que estão pertinho de começar e que estou na lista de espera:

E você? Já fez algum curso online? E um MOOC (Massive Open Online Course)? Foi no Coursera ou em outra plataforma? Conte a sua experiência!

Veja esta postagem do Catraca Livre sobre Cursos Gratuitos. Lá tem várias dicas de cursos de todos os tipos e áreas de aprendizagem.


ATENÇÃO: O conteúdo deste site é de caráter informativo. Se você precisar de ajuda especializada, não hesite: entre em contato com um(a) profissional da sua cidade. Sempre que for utilizar algum texto de minha autoria, o faça em formato de citação, com os devidos créditos e link para a postagem original.

Curso Gratuito de Introdução à Ciência Forense – Coursera

Fonte das imagens desta postagem: Coursera

Pra quem ainda não conhece, o Coursera.org é uma plataforma educacional on line e gratuita cuja missão é oferecer acesso universal a cursos oferecidos pelas melhores Universidades do mundo. Você precisa apenas de acesso à internet pra começar a aprender uma variedade incrível de temáticas. A grande maioria dos cursos é em inglês. Alguns têm legenda em português, mas ainda assim, ter conhecimento na língua inglesa é fundamental para um aproveitamento completo do que o Coursera pode oferecer.

Existem cursos que acontecem apenas em determinados períodos e então você precisa seguir as aulas semanais à risca e não perder os prazos das avaliações pra conseguir sua nota. Outros estão disponíveis para que você faça no seu tempo e no seu próprio ritmo. Ao terminar o curso e atingir a pontuação mínima necessária (cada curso tem a sua), você recebe um Certificado de Conclusão. Alguns ainda oferecem Certificado de Conclusão com Distinção para aqueles que atingirem notas acima da média (novamente, cada curso tem a sua). Alguns cursos ainda oferecem a opção de um Certificado Verificado em que você paga uma taxa de $40,00, passa por um processo de verificação da sua identidade a cada exercício realizado e, ao final, recebe um certificado que garante que foi você mesmo quem realizou todas as avaliações necessárias e concluiu o curso.

Iniciou agora dia 11 de maio a primeira semana do curso de Introdução à Ciência Forense, com duração de 8 semanas, terminando dia 05 de julho. Ele exige uma dedicação média de quatro a cinco horas por semana e o material é todo em inglês, com opção de legendas também em inglês. O curso é oferecido pela Nanyang Technological University, localizada em Singapura, através de seu instrutor Roderick Bates, Químico Orgânico e pós-doutor. Para um bom aproveiramento do curso, é exigido apenas o ensino médio (não é preciso nenhuma comprovação, os pré-requisitos são apenas um guia para aqueles que pretendem fazer o curso e desejam ter uma ideia de seu nível de dificuldade).

Apesar de não ser da minha área (Psicologia) e nem tratar de Psicologia Forense em seu currículo (abaixo coloco as temáticas a serem abordadas no curso), me interessei em fazer porque sempre gostei dessa área, das séries e filmes policiais e acho que vai ser interessante aprender um pouquinho mais sobre isso. Ninguém precisa ficar preso numa redoma, não é verdade? Pois bem, segue abaixo os tópicos a serem abordados no curso:

Bem, espero que eu consiga concluir o curso e aprenda bastante! Se você gostou da plataforma Coursera, mas anda com o tempo apertado, que tal experimentar algum destes cursos abertos (sem limitação de tempo) que eu também estou tentando fazer?

Em breve farei postagens também sobre alguns cursos que estão pertinho de começar e que estou na lista de espera:

E você? Já fez algum curso online? E um MOOC (Massive Open Online Course)? Foi no Coursera ou em outra plataforma? Conte a sua experiência!

Veja esta postagem do Catraca Livre sobre Cursos Gratuitos. Lá tem várias dicas de cursos de todos os tipos e áreas de aprendizagem.


ATENÇÃO: O conteúdo deste site é de caráter informativo. Se você precisar de ajuda especializada, não hesite: entre em contato com um(a) profissional da sua cidade. Sempre que for utilizar algum texto de minha autoria, o faça em formato de citação, com os devidos créditos e link para a postagem original.